• Português
  • Espanhol
  • Inglês
  • Viajando pelo mundo
  • Viajando pelo Brasil
  • Notícias da doença do Vírus Ebola na República Democrática do Congo

    O que você precisa saber - Aeroportos Nos 21 dias de 12 de junho a 02 de julho de 2019, 73 áreas de saúde dentro de 20 zonas de saúde relataram novos casos, representando 11% das 664 áreas de saúde nas províncias de Kivu do Norte e Ituri. Durante este período, um total de 285 casos confirmados foram notificados, a maioria dos quais foram das zonas de saúde de Mabalako (30%, n = 85), Beni (27%, n = 76), Mandima (8%, n = 23), Lubero (6%, n = 16) e Kalunguta (5%, n = 14).
    Leia mais ››

  • Sarampo nas Américas

    Sarampo Entre 1º de janeiro e 18 de junho de 2019, um total de 1.722 casos de sarampo foram relatados em 13 países da Região das Américas: Argentina (5 casos), Bahamas (1 caso), Brasil (122 casos), Canadá (65 casos), Chile (4 casos), Colômbia (125 casos), Costa Rica (10 casos), Cuba (1 caso), Estados Unidos da América (1.044 casos), México (2 casos), Peru (2 casos), Uruguai (9 casos) e República Bolivariana da Venezuela (332 casos). Nenhum caso fatal foi relatado no mesmo período.
    Leia mais ››

  • Sarampo no Brasil

    Em 2019, até o dia 05 de junho de 2019, o Brasil confirmou 123 casos de sarampo, distribuídos em sete Unidades Federadas (UF): Amazonas (4), Roraima (1), Pará (53), São Paulo (51), Santa Catarina (3), Rio de Janeiro (7) e Minas Gerais (4). A taxa de incidência da doença foi de 0,06 por 100.000 habitantes.
    Leia mais ››

  • Brasil - Monitoramento do Período Sazonal da Febre Amarela - 2018/2019

    Vigilância de Casos Humanos: Foram registrados casos humanos confirmados nos estados de São Paulo (68), do Paraná (13) e Santa Catarina (01). A maior parte dos casos eram trabalhadores rurais e/ou com exposição em área silvestre, sendo 73 (89%) do sexo masculino, com idades entre 08 e 87 anos. Em março/2019 (SE-13), foi confirmado o primeiro caso de febre amarela no estado de Santa Catarina. Entre os casos confirmados, 14 evoluíram para o óbito (17,1%). O número total de casos humanos registrados no mesmo período de 2018 foi de 1.309.
    Leia mais ››

Mais notícias